Mais de 250 mil eleitores ainda não fizeram biometria na PB


A menos de um mês do fim do prazo, a Justiça Eleitoral da Paraíba ainda está apelando para muitos paraibanos fazerem o recadastramento biométrico. Na Paraíba, mais de 250 mil eleitores não fizeram o cadastramento com coleta de dados biométricos. O prazo final está estabelecido para o próximo dia 30 de novembro, não havendo prorrogação.

Nas eleições gerais de 2018, todos os eleitores da Paraíba serão identificados na urna por meio da impressão digital, no momento da votação. A orientação do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) é a de que, o quanto antes, o eleitor que ainda não fez o seu cadastramento biométrico procure pelo Cartório ou Posto de Atendimento em sua cidade e faça. O cidadão que não fizer o cadastramento dentro do prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral terá o título cancelado.

Para fazer o cadastramento biométrico leve um documento oficial com foto, comprovante de residência dos últimos três meses e o título de eleitor, se houver. Mais um ponto A desembargadora Maria das Graças Morais Guedes, presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), inaugurou na última semana a instalação do posto de atendimento para o cadastramento biométrico dos eleitores do município de Bernardino Batista e também se reuniu com autoridades locais no município de São João do Rio do Peixe.

Na ocasião, a presidente do TRE-PB, acompanhada do diretor-geral André Cavalcanti, se reuniu com o juiz eleitoral da 37ª Zona, Agílio Tomaz Marques, a promotora eleitoral Flávia Cesarina de Sousa, os prefeitos, os presidentes da Câmara de Vereadores, representantes da sociedade civil organizada e a imprensa, para estabelecer providências visando impulsionar a campanha do cadastramento biométrico de eleitores nos municípios de Bernardino Batista e São João do Rio do Peixe, em razão do baixo índice de eleitores cadastrados biometricamente.

PB Agora